domingo, 14 de agosto de 2016

Surviving is for dinosaurs and you know that you were made for more!

Penso sempre em escrever aqui, mas nunca sei o quê, pois fico consumida pela sensação de que tudo que eu falar vai soar egocêntrico, porque afinal quem iria gostar de ler alguém falar sobre tudo que gosta ou não?
Mas isso é um absurdo! É basicamente isso a definição de internet hoje em dia, um show de exibição, e isso não é exatamente ruim. Não é exatamente ruim porque toda comunicação é porta de entrada pra socialização. A gente vai querer se enturmar com quem tem os mesmos gostos que nós, frequenta os mesmos lugares, tem os mesmos interesses, até porque ninguém é muito afim de sair totalmente da zona de conforto o tempo todo. Então acho que é esse o motivo pelo qual - que minha preguiça me permita - eu quero escrever.
Lembro de uma época na internet, nos blogs, quando as pessoas escreviam em seus perfis uma lista de coisas que gostavam e que as definia, palavras aleatórias, bandas, citações. Também havia aquelas listas de 30 perguntas no tumblr em que você reblogava e escrevia respostas como "estou vestindo uma camisa amarela e ouvindo Paramore!". Era muito interessante! A gente já via de cara se ali havia um potencial melhor amigo. 
Além disso, percebo que quanto mais as pessoas se fecham (teste aplicado em: mim) mais fica difícil de criar amizades porque, além do fato de não criar oportunidades, mais as pessoas criam manias e desculpas e justificativas para seus atos auto-sabotadores. Quando mais a gente conversa, mais a gente aceita o outro, mais a gente se aceita, mais a gente vive de verdade. É uma via de mão dupla, socializar, benefícios mútuos. Pelo menos é assim que ando tentando pensar.
Então esse blog é a minha forma de tentar concretizar isso, qual é a sua forma? 

* O quote do título é da Candice (candysomething)